Porque temos que valorizar a vida?

Eu vou falar com você sobre a coisa mais importante que você irá ter. Agora tente adivinhar o que isto poderia ser.

Por exemplo, é o dinheiro? Bem é com certeza melhor ter dinheiro do que não, mas não é definitivamente a coisa mais importante que você pode ter — apenas pergunte para todas as pessoas ricas que são muito infelizes — ou, muito melhor, leia sobre a maioria das pessoas que tenham ganho dezenas de milhões de dólares em uma loteria. A maioria destas pessoas, na realidade, se tornaram menos felizes, não mais.

Está bem, então, que tal amor — é esta a coisa mais importante que você poderia alguma vez ter?

Bem, amor com certeza é importante. Eu não posso imaginar viver sem isso. Eu valorizo o amor de meus amigos e o amor de minha família, mas se você não tem a coisa que estou prestes a te falar, você no entanto, não irá receber muito amor.

Então, vamos tentar uma terceira resposta: felicidade. Bem, isso, também, é muito, muito importante.

Quem quer ser infeliz? Mas novamente, sem a coisa que estou prestes a te falar, haveria pouca felicidade no mundo.

Então, aqui vai — a coisa mais importante que você irá algumas vez ter é — que soe os tambores por favor —

bons valores. Sim, bons valores. Agora que eu sei que isso pode soar meio chato e eu percebo que é possível que você pode nunca ter realmente pensado sobre valores ou mesmo saber a respeito do que eu estou falando.

Então, deixe-me explicar. Um valor é algo que você pensa ser mais importante do que qualquer outra coisa — mais importante do que dinheiro, mais importante mesmo que o amor, e ainda mais importante do que a felicidade.

E, acima de tudo, valores são o que você considera ser mais importante do que seus sentimentos.

Isto é muito difícil para muitas pessoas acreditarem porque nós vivemos em um tempo onde as pessoas pensam que como elas se sentem sobre algo é mais importante do que qualquer outra coisa, mas não é tanto.

Aqui está um exemplo simples de conflito entre um sentimento e um valor. Quase todo mundo tem vontade de comer comidas não saudáveis, mas há um grande problema aqui. Se você já comeu tudo o que você tem vontade de comer, você acabará obeso e sem saúde. Então, o que é que para as pessoas de comerem toda comida que elas têm vontade de comer? A resposta é um valor — isso mesmo, um valor. E o que é esse valor? Não ficar obeso e manter-se saudável.

Há, em outras palavras, uma batalha necessária que ocorre dentro da maioria das pessoas: a batalha entre o que elas sentem — neste caso o desejo de comer comida não saudável — e um valor que elas carregam — neste caso, manterem-se saudáveis e parecerem bem. Agora tão importante quanto a saúde do corpo é, este conflito entre o que nós temos vontade de fazer e os valores, e é mais importante quando isto vem em fazer o que é certo, quando isto vem a ser como nós tratamos as outras pessoas, não apenas nós mesmos.

Aqui está uma que irá fazer você pensar. Imagine você andando pela praia com o cachorro que você ama, quando de repente você olha atentamente para a água e vê seu cachorro se afogando.

E imagine, também, que ao mesmo tempo, em torno de uns 100 metros do seu cachorro, uma pessoa que você não conhece — um estranho — está também se afogando.

Agora, qual você tentaria salvar primeiro?

Simplesmente, qualquer um que ama seu bicho de estimação iria sentir vontade de salvar este primeiro.

Mas, e se você valoriza a vida humana muito mais do que a vida de animal — e provavelmente você valoriza.

Afinal, você provavelmente come animais, mas não come um ser humano. Então seu valor — a única preciosidade da vida humana — está em conflito com seus sentimentos por seu cachorro.

Aqui está outro exemplo. Imagine que você está prestes a ter um importante teste na escola. Se você colar no teste, você será capaz de evitar a falha e talvez, até mesmo entrar em uma ótima escola.

Mas se você tiver um valor — o que chamamos de valor moral — que colar é errado? Você certamente sente vontade de colar, mas se você tem valores morais, você sabe que é errado.

Novamente, aquela batalha entre seus sentimentos e um valor. Quase tudo o que está errado com o mundo, vem de pessoas que não possuem valores morais mais elevados, ou dos que não vivem por conta própria porque eles sentem que eles querem algo a mais.

Pessoas que matam sente vontade de matar, e eles fazem o que eles sentem ao invés de viver pelo valor de preservar a vida humana.

Pessoas que roubam, sentem que eles querem a coisa que eles roubam, então eles pegam o que eles têm vontade de ter ao invés de viver pelo valor de não roubar.

A lista é muito mais interminável, e este é o porquê que bons valores é a coisa mais importante que qualquer um de nós podemos alguma vez ter. Sem eles, o mundo seria um lugar terrível.

E finalmente, saiba disto: as melhores pessoas que você conhece — sendo a melhor, mais gentil, e mais honesta — são pessoas que lutam contra seus sentimentos todos os dias de suas vidas.