O poder da gratidão

“A gratidão tem um efeito de limpeza na alma”, O próprio ato de dizer “obrigado” nos torna pessoas mais humildes, gentis e amorosas. “Quando algo de bom acontece e damos graças por isso”, “então seu efeito positivo se expande dentro de nós”.

Que tal expressar gratidão por presentes que preferiríamos não ter recebido? Que prática poderosa se torna uma palavra de apreço quando, mesmo diante de um diagnóstico sério, uma criança em apuros ou reversões financeiras inesperadas, podemos dizer “Obrigado, Deus!”


Pessoas que estão na expectativa de receber um presente embrulhado em preocupação no coração, em vez de lindas fitas e laços, não ignoram os fatos, mas que permanecem gratas, são “ensinadas a usar o ato de agradecer como uma ferramenta para assumir a vitória espiritual.”
É por sermos gratos que podemos saber que existe um presente aqui e, mesmo que não possamos vê-lo, a gratidão nos mantém abertos para recebê-lo.

“A gratidão é um abridor de bênçãos bloqueadas”, “Os diários de gratidão não são apenas adoráveis, eles funcionam”. Quando dizemos “obrigado”, somos lembrados de nosso lugar no grandioso design das coisas.

Embora a vida nem sempre seja divertida, é sempre um presente. Quando aceitamos essa verdade, podemos viver em gratidão por coisas boas e por coisas ruins, estamos nos tornando pessoas melhores. “Embora eu não possa dizer que estou grata por minha dor, sou grata pelo fato de que nunca é sem sentido”, “Tive a chance de aprender”, finalmente, atingindo um senso de gratidão que posso chamar de meu.”

De cada presente que o Universo tem a oferecer, surge a oportunidade de ser grato; para permitir que nosso agradecimento reverbere por todo o nosso ser.
E naquele mesmo ato, tocamos um nervo não apenas dentro de nós, mas dentro do próprio universo, nos unindo com o glorioso, e nos dando a verdadeira sensação de que a vida é grata a nós também.