Jesus restaura a alma

O Deus de toda a graça, que os chamou para a sua glória eterna em Cristo Jesus, depois de terem sofrido por pouco tempo, os restaurará, os confirmará, os fortalecerá e os porá sobre firmes alicerces.

1 Pedro 5:10

Geralmente, estamos tão envolvidos nos afazeres de nossas vidas, que nunca paramos o nosso ritmo, então, chega o momento em que somos forçadas a parar. Ficamos convalescentes, passamos por situações difíceis em perder entes queridos ou perdemos o emprego.

Repentinamente, nós não temos alternativa, que não seja diminuir a velocidade e modificar nossos hábitos que achamos normal de forma acelerado. Muitas vezes, esse procedimento gera consequências racionais, mesmo que no início queiramos resistir aos momentos de pausa necessários.

Ocasionalmente, nossa vida fica tão opressiva que nosso Deus atua e nos dar sua paz sobrenatural à nossa mente. Humanamente não temos condições de explicar isso. Nossa relação de afazeres mante-se tão longa, as exigências de nosso tempo são da mesma forma temerosa.

Mas, de certa forma, sentimos que tudo vai ficar bem. Se conseguirmos fazer tudo, não parece mais importar tanto. Estar simplesmente presente e confiar na bondade de Deus torna-se nossa prioridade.

É uma coisa boa poder se aventurar de forma desprendida, repousar sob a sombra de uma árvore e observar a superfície de um lago, de um rio próximo ou do mar. Mas, muitas vezes, e muito provavelmente, não podemos nos dar a esse gosto. Contudo, o mesmo sentimento de tranquilidade podemos ter em nossa vida, quando permitimos que a paz e o amor de Deus nos envolvam.

Oremos: “Deus bondoso e misericordioso, estou sentindo-me tão assoberbado pelas cargas da vida, na maior parte do tempo. Guia-me Senhor e mostra-me pai que, sua paz está sempre comigo, não interessa o quanto ansioso eu possa estar. ”