As coisas do coração

Porque? Essa é a pergunta que sempre fazemos a Deus. Mas, o “porque” de que? Bem, a vida tem diversos mistérios que tentamos entender com a nossa mente humana e não conseguimos, e é por isso que nos angustiamos, ficamos tristes e aflitos e as vezes até descrente.

O Exemplo de Jesus

Em seus diversos ensinamentos, Jesus nos ensina que devemos orar com fé, para que nossos pedidos sejam atendidos. Porem, o atendimento aos nossos pedidos, nem sempre serão o que esperamos o que aconteça.

Jesus quando estava no Getsâmini, estava tão angustiado que; orou ao Pai, para que fosse afastado de se aquele cálice, ou seja, o que estava para acontecer. No entanto, Jesus reconheceu a soberania do Pai e disse: “…. faça-se a tua vontade”.

E é assim, que temos que agir, crendo na soberania de Deus e confiar na sua vontade e nos desígnios que ele traçou para nossas vidas.

Crê é fundamental

Devemos crê que a vida é como um barco, sujeito a tempestades e maremotos, onde as tempestades tentam virar o barco em que estamos. Mas, cremos que Jesus está conosco no barco e quando ele diz que, chegaremos na outra margem, devemos confiar pois, ele não é; “…homem para que minta, nem filho do homem, para que se arrependa.”

Em Eclesiastes 3, diz: “Há tempo para todo proposito debaixo do céu”.

Portanto irmãos, reconheçamos nosso tempo e o propósito de Deus para nossa vida, pois, o amor de nosso salvador é imensurável e que não deixemos que nossos corações nos engane, perante o pai.

Que Deus esteja conosco, agora e sempre! Amém!